sexta-feira, 17 de maio de 2013

O Vote Brasil



Os imprevistos da vida e o seu percurso incerto sempre surpreendem.
 Durante oito anos fui cronista político do Vote Brasil, o mais importante site político brasileiro, quando ainda o seu diretor, André Barreto, encontrava-se com saúde perfeita.
 Naquela ocasião, o VB foi vencedor do prêmio Ibest, o mais importante da internet brasileira por dois anos consecutivos, 2005 e 2006.
 Perfeito, com noticiário dos mais recentes casos políticos do país, o Vote Brasil não se restringia apenas à política; em sua página podiam ser encontrados dados relativos à situação eleitoral de cada cidadão, bastando que digitasse o número do seu título. O mesmo com o imposto de renda e uma série de informações úteis a qualquer  brasileiro.  Câmbio, previsão de inflação, pesquisas eleitorais e opinião dos leitores faziam parte do cotidiano do VB.
 Quando havia eleição, o site tinha link com os Tribunais Eleitorais, e dava os resultados no exato momento que a apuração acontecia, fato inédito no jornalismo brasileiro.  Dez colunistas, entre eles eu, escreviam sobre os fatos em evidência no panorama político nacional.
 O diretor adoeceu.  O Vote Brasil não podia mais contar com a determinação de André Barreto conduzindo os trabalhos.  O site entrou em declínio.  Com o agravamento do estado de saúde de Barreto, por duas vezes ficou fora de circulação.  Há uma semana, desapareceu novamente e todos nós que trabalhávamos nele não acreditamos mais na sua volta.
 Fica uma imensa lacuna.  O Vote Brasil não era, como todos os sites políticos brasileiros, a voz do seu responsável, mas o conjunto das opiniões dos cronistas políticos que nele atuavam.  Também acredito no seu término, esperando estar enganado.


 
Publicado no Pravda.  http://port.pravda.ru/news/cplp/17-05-2013/34636-vote_brasil-0/

11 comentários:

Caio Martins disse...

Como disse anteriormente, Jorge, assino o seu texto, se assim me permitir.
Lá estivemos juntos empurrando pedra ladeira acima nos últimos anos, lutando o bom combate. Prosseguiremos, todavia, em outros campos, homenageando o André e o VB. Que ambos se refaçam e voltem a brilhar, é a esperança. Forte abraço, vamo que vamo!

Maria Carmem Velloso disse...

Conheci o Vote Brasil pouco. Quando o descobri, já estava com alguns problemas, mas ainda dava para perceber que além de independente, possuía um noticiário político completo.
Abs. Carmem

petuninha disse...

É lamentável que as coisas boas e construtivas deixem de funcionar.Li algumas vezes o Vote Brasil, não muitas, mas deu para perceber a qualidade e a competência do jornal, e, por consequência da Direção e dos jornalistas.
Desejo melhoras para o diretor do mesmo, e que possam todos os que ali labutam continuar a exercer o bom jornalismo.

Marcelo Pirajá Sguassábia disse...

Pelo que você diz, deve ter sido um ótimo espaço. Uma pena. Grande abraço, Jorge, e bom fim de semana.

Célia Rangel disse...

Há certo trabalho "sísifo" em que o esforço despendido torna-se inútil deixando uma sensação de seu árduo e rotineiro trabalho, nunca será concluído. Ainda assim, a luz no fim do túnel vem para nos sinalizar que é preciso continuar! E, falar de Política com veracidade, são poucos... portanto há de surgir outro morro para dar prosseguimento ao trabalho, ainda que sísifo.
[ ] Célia.

Mardilê Friedrich Fabre disse...

Que pena! Um veículo de comunicação sério a menos. Quem sabe ainda volte com alguém dinâmico à frente. Abrs Mardilê

Maria Coelho disse...

Acho que as vozes dos cronistas deveriam se unir e continuar o trabalho, talvez seja a melhor homenagem! Escrever é uma arte, escrever sobre a política brasileira é sempre um desafio. Abraço

marcia disse...

É uma pena que um blog sério como esse acabe...Bjus

Rita Lavoyer disse...

Por que não reúnem os cronistas e tocam o VB? Se o VB era bom, levem-no adiante. Desejo-lhes sucesso!!!

IDERVAL TENÓRIO disse...

Meu Guru, a sua crônica nos leva à seguinte e triste conclusão: Perde o Brasil, o povo e a democracia, morre o exercício d Cidadania. O SITE tem que ser ressuscitado, tem que acontecer um milagre, o povo clama por um milagre urgente, esta tribuna tem voltar a viver e enxergar os desmandos da atualidade. Como disse o Joaquim- O Congresso é refém do executivo.

Que um imortal do grupo ressuscite o site.Um abraço Iderval.

Anderson Fabiano disse...

Parceiro,
espaços como esse não poderiam se perder, pois perdemos todos.

Uma pena...

meu carinho,
Anderson Fabiano